BASE DE DADOS

Título da Investigação
Anti-heróis no Cinema
Tipo
Mestrado
Autor(es)
Pedro Baranita
Instituição
Universidade Católica
Orientador
Maria Guilhermina Castro
Ano
2015
Resumo
Nesta dissertação, procura-se analisar um tipo de personagem designado de anti-herói, que está em voga atualmente no cinema. Este estudo debruça-se sobre o modo como esta personagem é desenvolvida para o efeito, seja através do argumento ou de técnicas audiovisuais, tais como a montagem, a direção de fotografia, a cor, o som e a direção de arte. O objectivo central e basilar para esta investigação, passa por responder à questão – “Como se cria um antiherói?” Para se dissertar sobre este tema, procedeu-se a uma pesquisa teórica relacionada com a escrita de personagens, complementando com uma bibliografia versada sobre a criação de personagens, elaborada através de técnicas audiovisuais, concluindo na visualização de uma vasta filmografia pertinente e adequada para o assunto. O Projeto Final desenvolvido em Mestrado, “Bom Dia, Alegria!” (2014), foi um valioso contributo, por poder constatar num caso oriundo da prática artística do autor, que estudava em teoria. Concluíu-se que a forma como se estabelece empatia entre o espectador e a personagem representa um método de criação da personagem útil para o sucesso da mesma. A criação de uma personagem, nomeadamente a de um anti-herói, passa pela escrita que lhe dá corpo e desenvolve pela forma como é representada na tela. A atribuição de características à sua conduta moral através do argumento, e ao seu aspecto físico através de montagem, fotografia, cor e arte contribuem para o sucesso da personagem.
Abstract
Palavras-chave 1
anti-herói
Palavras-chave 2
criação de personagem
Palavras-chave 3
argumento
Palavras-chave 4
técnicas audiovisuais
Palavras-chave 5
montagem
Publicação